Under the Oak
About @Xilegon Ask Archives
Matheus, Brazil, 17.
Suicídio

Será que estou ficando louco?
Meu sangue borbulhando quente, ácido. Correndo e queimando em minhas veias. O sentimento ataca, raga, dilacera. Não tiro os olhos do gatilho, não disparo. Não acendo, não crio chamas. Desespero mental não se confunde o suficiente pra arrancar fora do peito a própria vida. Eu não seria mais culpado se meu mundo inteiro se transformasse em preto. Não há mais razão para manter palpitar cardíaco quando os olhos viram bolhas e a esperança não mora no último abraço.
Então está aqui. Dentro da minha cabeça. Dentro do meu coração.
Eu fui avisado para fugir. Encharquei o quarto e atirei as chamas. Enquanto as chamas queimam minha pele e estala meus ossos eu pago o preço. Eu pago o preço do erro fétido. Eu fui avisado para correr e agora pago o preço pelas duas palavras. Apenas pago o preço.
É minha vez de morrer.
Meu coração bate agonizantemente enquanto digo minhas ultimas palavras. Então eu danço, saltitando e gemo no meio das chamas, enquanto grito chorando o seu nome como se isso fosse me salvar. Se for para definhar em trevas que seja doloroso e sádico. Completamente insano, pois como você disse, nós seríamos para sempre. Como eu pude mentir na sua cara e não me matar? Agora que não há mais volta reflito enquanto minha última sístole canta sua musica, o quanto amor é necessário para ressuscitar.

A year ago we stayed up till 3 am talking
And today I don’t know how to even say hey
— (via 99teen)

(Source: esssence)

(Source: danielodowd)

(Source: homelesswolf)

jill-wood:

Don’t Forget To Say I Love You

jill-wood:

Don’t Forget To Say I Love You

Apr 23 '14 · via allbit
Horchata theme by Margarette Bacani. Made for and powered by Tumblr.